quinta-feira, janeiro 01, 2015

Duas mensagens ainda no desgraçado (por mim falo) 2014 - 2

A outra mensagem, ainda de 2014, que não queria deixar de aqui trazer, neste 1º de Janeiro de 2015, é a da libertação dos 5 de Miami.



A mensagem foi transformada em "gesto de Obama", personalizado, corajoso e magnânimo. Sem pretender retirar-lhe significado (e coragem), não foi isso, e muito menos teria sido só isso. Se se empolou até ao desrazoável a "decisão de Obama" e as negociações que a acompanharam, apagar toda a luta solidária, e a influência que - de certo! - essa solidariedade universal teve, apenas reforça o sinal de fraqueza que tal decisão também teve. 
A vitória é de Cuba... e um pouco, mesmo que nada pareça ou visível seja, de cada um de nós. Preocupa o custo que possa vir a ter tal vitória mas, por e para isso, continua a ser necessária, indispensável, a mesma atenção e solidariedade militante. 
Porque, como sempre, a luta continua. Contínua!

Exemplos só para lembrar:






1 comentário:

heretico disse...

Bom Ano

forte Abraço