quinta-feira, maio 11, 2006

Histórias em cem palavras e 1lustração - 29

Depois das histórias (em cem palavras) dedicadas ao 25-de-Abril, volto. Cem palavras...
E recomeço com a que escrevi a partir do que senti na edição do primeiro livro de que fui autor (embora fosse uma colectânea). Há 40 anos!

capa de Tomaz Xavier de Figueiredo,

em que tive o pudor de meter o meu nome...

O PRIMEIRO LIVRO

Quando levantou o telefone, mal ouviu o ansiado já chegou saltou porta fora, gritando à atónita secretária não demoro nada.

O carro arrancou numa chiadeira e não teve acidentes no curto trajecto porque deus põe a mãozinha não apenas por debaixo do menino e do borracho.

Na Rua do Mundo, deixou o carro onde calhou e subiu a quatro-e-quatro os degraus do nº67.

Ao manusear o livro, ao cheirar a tinta ainda fresca, ao ler o seu nome pela primeira vez numa capa, sentiu grande emoção.

Maior, só quando, meses depois, ajudou a nascer o primeiro filho.

4 comentários:

Anónimo disse...

Sérgio,

A tua vida tem sido de experiências permanentes.
Uma boas outras nem por isso, mas mesmo as más fortalecem-te, encorajando-te, para outras tantas provas de vida!E que vida!
Deves ter sentido uma alegria inigualável, ao sentir o teu próprio livro! Até o nome da rua era grande, como a tua alegria!

“…ajudou a nascer o primeiro filho”
ou
“… viu a nascer...”

Seja como for, assim,
Vale a Pena Viver!

GR

Sérgio Ribeiro disse...

Ajudei a nascer!, não apenas vi... a dra. Cesina Bermudes tinha um lugar e uma tarefa para os pais na sala de partos!

Anónimo disse...

Que orgulho!
A Dr. Cesina Bermudes, militante comunista, a primeira médica a utilizar o método do parto sem dor!
Então, tudo correu bem!

GR

yanmaneee disse...

golden goose
curry 6 shoes
supreme outlet
off white shoes
kd 10
kyrie 6
nike x off white
kyrie shoes
longchamp
giannis shoes