segunda-feira, setembro 25, 2006

Em complemento...




24 de setembro, 2006 - 12h32 GMT (09h32 Brasília)

Venezuela rejeita pedido de desculpas dos EUA
O governo da Venezuela emitiu uma reclamação formal às autoridades americanas e à Secretaria Geral da ONU pela detenção do ministro das Relações Exteriores venezuelano, Nicolás Maduro, no aeroporto JFK, em Nova York.
O governo venezuelano disse que o incidente foi uma flagrante violação das leis internacionais.
O Departamento de Estado americano emitiu um pedido de desculpas ao chanceler, dizendo que lamentava o incidente ocorrido no aeroporto.
Ao embarcar de volta a Caracas, depois de uma semana em Nova York, onde participou da 61ª Assembléia Geral da ONU, Maduro foi detido por mais de uma hora pela polícia do aeroporto, que ainda reteve seus documentos.

Revista
Maduro disse que foi ofendido verbalmente, teve os documentos confiscados, a bagagem vistoriada e ainda foi revistado por um policial.
O ministro afirmou ainda que o pedido de desculpas não é suficiente. "Nós fomos detidos por uma hora e meia, e os policiais ameaçaram nos bater. O governo americano tem que ser responsabilizado por isso."
Inicialmente, as autoridades americanas negaram a detenção do chanceler venezuelano, alegando que ele simplesmente teve que passar duas vezes por uma vistoria de rotina.
Mas, em seguida, um comunicado emitido pelo Departamento de Estado confirmou que o ministro havia sido interrogado por policiais de imigração e que uma equipe especializada em segurança diplomática tinha sido enviada ao local para resolver a situação.
(...)

3 comentários:

Anónimo disse...

Já está online o site do PCP/Valongo em http://pcp.valongo.googlepages.com

Visita e divulga!

Pedro Antunes disse...

Sérgio,

Desafio-te a escrever um post sobre a iniciativa “ Compromisso Portugal”. Deixo-te o site: http://www.compromissoportugal.pt/

Cumprimentos

Pedro Antunes

GR disse...

Costumo a ler o site do PCV*, agora está ao rubro!
Por vezes assusta-me, esta loucura da administração americana!
Lentamente o planeta vai ficando em guerra.
Eles entram, matam, destroem e vão embora!
Não percebo como não há mais cidadãos americanos a insurgirem-se! Quantos milhares de jovens americanos já morreram, também!
Sei que há grandes manifestações nos EUA, anti-guerra, mas a censura priva-nos de vermos as imagens!

*
http://pcp.valongo.googlepages.com/

GR