quinta-feira, junho 03, 2010

Coisas que me obrigaram a escrever

(e que, depois de ter escrito, gostei de ler... o que às vezes acontece):

Não sei se éramos 299 mil ou 301 mil. Mais de 150 mil éramos, porque uma ex-contadora (o que é isto?...) o disse, com a sua ex-periência e a vontade de "prestar serviço" (... de ex-tra).
Não sei se éramos 299 mil ou 301 mil. Sei que, de Viana do Castelo, eram 11 autocarros e de Santarém 22, isso sei. E sei que éramos muitos, muitos, muitos mil.
Não sei se éramos 299 mil ou 301 mil. Sei que, de certo, não estava ninguém que não quisesse estar, que, de certo, ninguém estava à procura de carreira, de tacho, ou de favores do poder (seja ele aparente ou real, divino, político-partidário ou financeiro).
Não sei se éramos 299 mil ou 301 mil. Sei que muito mal estará quem, por cegueira sectária, por autismo incurável, por deslumbramento irracional, quiser ignorar os factos, "brincar" com números, desprezar (e, nalguns casos, insultar) os... outros, os que dizem sim quando acham que há que dizer sim, e dizem não quando julgam que tem de ser dito não.

3 comentários:

Graciete Rietsch disse...

Gostaste de ler o teu texto mas eu gostei mesmo muito. Diz tudo em poucas palavras.

Um beijo muito grande.

Maria disse...

Também eu gostei do teu texto...
Obrigada!

Abreijo.

yanmaneee disse...

golden goose shoes
supreme
nike off white
supreme clothing
off white
golden goose sneakers
yeezy boost 350 v2
jordan 11
canada goose
curry 7 sour patch